Skip to content

Nova Mandala

sexta-feira 25 fevereiro 2011

"cranny mandala"

Usando o ponto mais simples do croche vou criando estas mandalas de cores. O modelo é antigo, vintage, a técnica a mesma a tantos anos, tanta gente já fez e refez o mesmo passo a passo, agulha de croche subindo e descendo junto com linhas coloridas e paciência para ve-la crescer.

Pode ser feita com linha de algodão, lã, viscose, seda, camiseta velha, restos dum pano qualquer. Eu ultimamente gosto e uso algodão com textura fina, quanto mais fina mais demorada mas também mais delicada, ótima de tocar, leve.Tem quem goste de usar fio de textura mais grossa, assim a mandala é crochetada bem rápido.

Particulamente gosto de tudo neste trabalho, da escolha da cor a textura do fio. Ponto a ponto fazendo o circulo expandir, um trabalho bem meditativo e silencioso. Embora tenha um ponto muito simples, qualquer ponto a mais ou a menos para mim pode romper com o desenho sutil da mandala, quem olha sequer percebe mas eu sei que ali pulei um ponto ou que lá quando a mandala iniciou eu fiz quatro pontos a mais…

Questão de estado de espirito eu diria.
Acho até que é por isso que as pessoas olham e gostam tanto, trabalho simples e feito com alma, sabe?

Anúncios
3 Comentários
  1. segunda-feira 28 fevereiro 2011 17:27

    Adoro, adoro, adoro!
    Tenho vontade de fazer almofadas assim!
    😉

    • segunda-feira 28 fevereiro 2011 21:18

      Pedaçim… faz sim, é tua cara! é tão facil pra ti que sabe crochetar.

  2. sábado 26 fevereiro 2011 21:09

    testando comments 🙂

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: